Apelidos engraçados para amigos

 Idéias de apelidos engraçados para amigos

 


Os apelidos originais para amigos para homens ou jovens costumam descrever alguma peculiaridade física ou relacionada à origem da pessoa, embora também descrevam um hábito que possuem.

Vamos começar com a lista de apelidos para amigos.

O aquaman: ele é o rei dos peixes.
The Dancer: você não perde uma festa.
O árbitro: está sempre com o apito em mãos.
A agulha: de um lado pica e do outro é enfiada.
O travesseiro: é um apoio de cabeça.
Água morna: está para esfriar
O buraco: quem vê evita.
Buraco negro: porque cada vez engole mais e fica maior.
O escorpião: se defende com sua cauda.
O tapete: todos pisam nele.
A árvore de Natal: porque tem bolas decorativas.
O vinagre: porque veio a segunda, veio a terça, veio a quarta.
O azulejo: porque se não está na cozinha está no banheiro.
O balde de plástico: racha quando você mais precisa.
O ladrilho solto: ninguém quer pisar nele.
O novo barco: você tem que empurrá-lo para a água.
O almanaque: eles o pregam em qualquer parede.
A dobradiça: quem não está na porta está na janela.
A bolsa: é vendida por 5 centavos.
O antibiótico: é perigoso misturá-lo com álcool.

Apelidos para amigos loucos

Muitos desses apelidos para amigos malucos são apelidos afetuosos, que embora pareçam depreciativos, são um sinal de confiança entre duas pessoas.

  • O Pãozinho Caseiro: porque sempre fazem em casa.
  • A cabra selvagem: tem leite muito ruim.
  • O caixa eletrônico: emprestando dinheiro o dia todo.
  • O salido: porque o primeiro chupão já esquenta.
  • A carroça: porque puxa com qualquer boi.
  • O cavalo-marinho: porque pensa que é um garanhão e não alcança os peixes.
  • A cabeça do prego: porque ele não tem um pouco de cérebro.
  • Seguro: porque não perde a vestimenta.
  • Chiclete: ninguém engole.
  • A camisa: não tem gola.
  • O sino: é ton-tín.
  • O nadador: oito horas não faz nada e o resto descansa.
  • Camada de ozônio: todo dia tem o maior buraco
  • O caracol: porque tem chifres, é arrastado e pegajoso.
  • A vela de ignição de madeira: porque não tem faísca alguma.
  • A garrafa: a primeira que sempre pede cerveja em um bar.
  • A cebola: tem mais pelos no cuzinho do que na cabeça.
  • O entulho: onde está, incomoda.
  • O chimichurri: o picante é feito, mas é permitido comer.
  • A curva perigosa: todos acabam nela.
  • O cisne: é mais que um ganso.
  • Coca cola: é consumida com canudinho.
  • O dildo: é um dispositivo.
  • O bombeiro: aquele que está sempre com a mangueira na mão.
  • Full Cup: eles viram de vez em quando.
  • O coração de baleia: porque é o maior tolo que existe.
  • O corpete: porque aperta sempre por trás.
  • O fósforo: acende-se imediatamente.
  • Vila corso: tem pouquíssima iluminação.
  • Casca de banana: ninguém quer pisar nela.
  • Crime perfeito: eles não conseguem encontrar sua arma.
  • A barata: encontram-se até dentro dos móveis.
  • A Barata Biônica: Não há poeira para matá-la.
  • A colher: não corta nem fura.
  • Diarréia: é uma torrente de merda.
  • O dinossauro: tem chifres até nas costas.
  • A discoteca: fica aberta toda a noite.
  • O dragão: porque só sai fogo de sua boca.
  • A missão impossível: toda vez que ele fala, ele se autodestrói.
  • Salsa: sempre presente em todas as refeições.
  • A vassoura: sempre encosta em qualquer parede.
  • Foto do passaporte: entregue em 5 minutos.

Apelidos para amigos

Embora pareçam soar mal, na verdade são apelidos para amigos, algo que mostra o afeto de um amigo pelo outro, e eles têm confiança suficiente para chamar um ao outro com esses apelidos.

  • O dardo: é fino, pontiagudo e arremessado.
  • O lápis do carpinteiro: tem grafite grossa.
  • Segunda-feira: ninguém quer que chegue.
  • O estribo: porque sempre bagunça.
  • O rinoceronte: tem chifres até no nariz.
  • O manequim: não tem ovos nem cabeça.
  • O McGyver: porque ele não usa a arma.
  • O dente do siso: é a coisa mais chata que existe e é inútil.
  • Pão de ontem: porque ninguém o quer.
  • Ushuaia: o asno do mundo.
  • El Papagayo: porque ele é mais cafetão do que papagaio.
  • Papel higiênico: porque é feito para o cu.
  • A massa de brincar: ela só serve para fazer bobagem.
  • O gênio: aparece imediatamente quando você abre uma garrafa.
  • O radiador: porque todos os insetos grudam nele.
  • O sol de inverno: não aquece ninguém.
  • O salchichón: porque é meio burro e meio cavalo.
  • O salmão: sempre vai contra a corrente.
  • O satélite: acredita-se que seja uma estrela, mas é apenas um dispositivo.
  • O supositório: é feito para o cul...
Anterior
« Prev Post
Seguinte
Next Post »